sexta-feira, 17 de abril de 2009

POSSE DO PPS VIRA ATO COM CRÍTICAS A LULA E À FALTA DE OPOSIÇÃO NO CEARÁ


A cena mais esperada: Tasso cumprimenta Lúcio Alcântara.


Freire discursando sob olhares de Bruno, Alexandre, Tasso e Moroni.

A solenidade de posse do novo presidente estadual do PPS, empresário Alexandre Pereira, ganhou ares suprapartidários em todos os sentidos. No auditório do Complexo das Comissões Técnicas da Assembléia Legislativa, nesta manhã de sexta-feira, reuniu lideranças também do PSDB, PT, PR e do DEM. O senador Tasso Jereissati, que ali chegou dirigindo seu carro, virou alvo de tietagem de alguns populares, assim como o ex-governador Lúcio Alcântara (PR). Os dois chegaram a se cumprimentar, sob olhares do presidente regional do DEM, Moroni Torgan. A solenidade teve à frente o presidente nacional do PPS, Roberto Freire, que deixou claro: o ato não era lançamento de candidaturas, mas o início da construção de um projeto para 2010. Nessa hora, olhou para Alexandre Pereira, cujo nome vem sendo cogitado para postular um cargo majoritário como forma de reforçar o palanque de José Serra, um dos presidenciávies do PSDB, no Ceará.
Em meio a discursos de saudação e de desejos de "boa sorte", Pereira criticou "a falta de oposição, em especial em Fortaleza", e admitiu que sonha em editar uma aliança partidária com os tucanos e os democratas nas eleições de 2010.
Tasso Jereissati (PSDB), em sua fala, ressaltou que o ato tinha "um significado importante, a medida que se trata de um jovem e, na política, precisamos de renovação". Para ele, há uma crise na falta de "um maior debate político, no qual existe um certo receio de se falar contra quem está no poder. E isso é muito perigoso para a democracia".
Roberto Freire (PPS) fez duras críticas ao Governo Lula. Para ele o Governo não tem um projeto de esquerda e, no caso específico da crise, "não se preparou para enfrentá-la. Parece um capitão sem rum". Freire fez as duras críticas, tendo ao lado o petista Artur Bruno, que na solenidade representava o presidente da AL, Domingos Filho (PMDB). Lúcio Alcântara, presidente do PR estadual, por várias vezes, remexeu-se quando Freire batia em Lula.

DETALHE - Ninguém avisou a Alexandre Pereira que o PSDB, seu aliado, por exemplo, só é oposição em Brasília.

DETALHE 2 - Moroni Torgan (DEM) fez mistério sobre as eleições 2010 e seu futuro.

DETALHE 3 - Lúcio Alcântara e Tasso trocaram um cumprimento formal.

DETALHE 4 - Alexandre Pereira falou da falta de oposição principalmente em Fortaleza, onde a gestão é do PT. Não se referiu ao PSB de Cid Gomes. Em nenhum momento quis falar sobre cargo majoritário.

DETALHE 5 - A cara que o petista Artur Burno fez, ao ouvir criticas ao Governo Lula, foi impagável.

DETALHE 6 - Tasso e o deputado estadual Edson Silva (DEM) se cumprimentaram como velhos amigos. Edson, que já foi tassista no passado, não escondia a carinha de "filho pródigo".

(Fotos - Zé Rosa)

16 comentários:

Lauro Dias disse...

Tasso e lucio juntos ese cumprimentando. a Política é realmente dinãmica e para quem tem estômago de sapo.

Luis Arthur Silva disse...

E por que o Artur Bruno foi se prestar a esse papel?

Anônimo disse...

Que bom Tasso e Lucio se cumprimentando é sinal que esse dois grandes cearenses podem um dia ainda caminhar juntos pelo bem do povo do Ceara.

erivaldo teles disse...

Fico muito feliz em ver que ainda existe esperança no fim do tunel.Espero que esse jovem politico consiga dar uma nova dinamica na politica cearense.

Anônimo disse...

Alexandre Pereira é um Líder Nato! Ele tem sensibilidade para perceber, e humildade para aprender, o que existe de melhor em cada um dos políticos que estiveram, estão ou estarão ao seu lado, ..."suprapartidariamente"...

Anônimo disse...

Quem não conhece Tasso que o compre ... Cuidado com esse homem azedo !
João

Paulo disse...

Não se deve concluir que,diante de um cumprimento formal,Tasso e Lúcio venham a ter um relacionamento normal,esquecendo o passado.São dois políticos,educados,que sabem que,no jogo político,amanhã é outro dia.Um exemplo,é Sérgio Machado.A educação dos dois políticos,não permitiriam outra atitude,que não um cumprimento formal,mesmo que sob constrangimento.Mas,lembrem-se do filósofo grego "Luisófolus Gonzagorium "que bradou que a política é dinâmica.Quanto ao Edson Silva,queriam o que?

Paulo disse...

O Anônimo,SENSIBILIDADE E HUMILDADE,como características de um político? Peraí!!

Anônimo disse...

SÃO TODOS FARINHA DO MESMO SACO...

Anônimo disse...

Repudiava veementemente uma reaproximação entre Tasso e Lúcio.

Mas depois de ter visto que o "grande salto" prometido não passou de peça de marketing eleitoral, de ter visto o alto investimento da tal Ronda do quarteirão em detrimento do pífio resultado na segurança, de me indignar com toda essa inércia irresponsável na gestão Cid Gomes, com tudo entregue às baratas pelo governo do estado e principalmente pela prefeitura, sou até capaz de torcer por uma aliança entre esses dois políticos, que pelo menos mostraram competência quando governaram o Ceará.

Se for pelo bem do Ceará, que seja!

Anônimo disse...

Esse Roberto Freire não passa de um ‘quinta coluna dos demo/tucanos’, na época da ditadura era vinculado ao SNI, fechou o PCB em 1992, foi líder de Itamar Franco, com cujo apoio se elegeu senador em 1994 e logo aderiu ao governo FHC... Desmoralizado e sem condição de se eleger a nada em seu estado Pernambuco agora se transferiu para São Paulo de onde pretende sair candidato a deputado federal. Sempre foi um político de direita, governista, como o PT não vai na onda dele, finge oposição.

Anônimo disse...

QUE TRISTE SINA! AQUI NO CEARA TA ASSIM, SE CORRER O BICHO PEGA "PSDB" E SUA COLIGAÇÃO. SE FICAR O BICHO COME,"PSB FG" E O RESTO. QUE AZAR!!!!

marcos peixoto disse...

Está se desenhando um novo cenário no Ceará: Tasso, Lúcio, Sergio Machado, Moroni, Alexandre Pereira, Edson Silva, etc... Te cuida Cid, se esse grupo realmente ficar unido e com apoio do candidato José Serra e o fraco desenpenho da Luiziane e do Cid, O BICHO VAI PEGAR

Vinícius Tavares disse...

Caro Eliomar: afinal de contas, o Lula é um capitão sem RUMO ou é sem RUM mesmo? E quem é esse quinta-coluna do Roberto Freire para dizer que o Lula não tem projeto de esquerda? Por acaso ele acha mesmo que, ao lado do PSDB e dos pefelistas do DEM, vai encontrar algum projeto desse tipo?

pamela disse...

na realidade, o alexandre pereira está conseguindo de maneira sobria
garimpar campo de ação e conseguentemente formar um bloco, agora sim de oposição ,que poderá fazer a diferença de tentativas anteriores

Anônimo disse...

ô Paulo,...Sensibilidade e Humildade são características de um LÍDER....,...De "Políticos ou Politiqueiros" nós estamos cheios...PRECISAMOS DE LÍDERES.