sexta-feira, 17 de abril de 2009

POLÍTICO BRITÂNICO QUER MANTER BURACOS NAS RUAS COMO "REDUTOR NATURAL DE VELOCIDADE"

"Um político da pequena cidade britânica de Navestock, próxima de Londres, propôs uma nova maneira de controle da velocidade nas vias locais: não tampar os buracos das estradas.De acordo com o líder local, a medida apresentaria diversas vantagens. Além de ser um controle natural de velocidade, possibilitaria uma significativa redução de gastos, já que ignorar os buracos é mais barato que preenchê-los, além de retomar o clima original das rotas antigas."Parece que os buracos são bons nas nossas pequenas estradinhas", argumenta Mike Parrish. "Não consertá-los pode economizar tempo e dinheiro, além de ser um redutor natural de velocidade."O representante afirma que os limites de velocidade no Reino Unido (que variam de 32 km/h a cerca de 112 km/h) são um exagero para Navestock. "As pessoas daqui estão preocupadas com as crianças."Alguns moradores reclamam que o excesso de falhas nos asfaltos da cidade provoca acidentes para motoristas, ciclistas e pedestres. A proposta de Parrish é olhar para os buracos pelo lado positivo. Mas o condado de Essex, que responde pela manutenção das vias, já anunciou que não vai admitir essa argumentação e prometeu arrumar as falhas "o mais rápido possível".

(Com agências internacionais)

VAMOS NÓS - Já tem gente dizendo que a Prefeitura de Fortaleza poderia topar essa idéia. Maldade.

7 comentários:

Anônimo disse...

Eliomar,
Eu gostaria de denunciar em seu conceituado blog o descaso e a buraqueira infernal em que se encontra a Cidade dos Funcionários. Ruas como a José Leon que é uma rua que facilita o transito de veículos nas horas de maior movimento está cheia de buracos enormes de uma ponta a outra,a Av.Oliveira Paiva também encontra-se em petição de miséria também de uma ponta à outra!Isso só para citar duas das principais ruas de acesso do bairro pois o bairro inteiro está com suas ruas esburacadas e sem sinalização,motivo pelo qual há acidentes diários por avanço de preferencias,dentre outros motivos.A Cidade dos Funcionàrios pede socorro e a regional VI faz ouvidos moucos.

Anônimo disse...

Já tem gente dizendo que a Prefeitura é a mãe da idéia e que esta foi copiada pelos britânicos.
E logo vão dizer que o capitalismo e o imperialismo não respeitam a criação pois não estão pagando os dividendos.

Paulo Marcelo Farias Moreira

Dorinha disse...

Ué, xerocaram a ideia aqui de Fortaleza?

Anônimo disse...

Serviria também para o governo do estado, ao invés de gastar 250 milhões na construção de um aquário, poderia aproveitar os buracos para fazer sua criação de peixes.

Anônimo disse...

NEGRADA A LUIZIANE FOI QUEM DEU ESSA IDÉIA PARA ELE.........AQUI NA ÁGUA FRIA ( RUA VEREADOR PEDRO PAULO, RUA ENGENHEIRO ANTONIO FERREIRA ANTERO, RUA MARVIN, E TANTAS OUTRAS) PARECE ATÉ A LUA. OLHA SÓ ELIOMAR, NA RUA ENGENHEIRO ANTONIO FERREIRA ANTERO COM A RUA NUBIA TEM UM BURACO QUE TÁ FALTANDO POUCO PARA TER UM ACIDENTE SÉRIO. SE ACONTECER ALGO GRAVE SERÁ POR NEGLIGÊNCIA DA LUIZIANE LINS. E ELA TEM A CARA DE PAU DIZER QUE TEM UM 0800 PARA DENÚNCIAS. POR FAVOR, PROJETO DE PREFEITA, VENHA TRABALHAR POR ESSA CIDADE, SUA INCOMPETENTE...........

Anônimo disse...

Estes ingleses querem nos plagiar !
Nós já adotamos tal iniciativa há mais de 20 anos e nunca saimos por aí nos gabando.
E dizem que lá é o primeiro mundo !!

Luis Arthur Silva disse...

O político britânico, pelo menos, não foge à responsabilidade e ainda assume seu ponto de vista diante da imprensa.