sexta-feira, 8 de maio de 2009

DELÚBIO DESISTE DE VOLTAR AO NINHO DOS "COMPANHEIROS"


"Pressionado por diversas correntes petista, o ex-tesoureiro Delúbio Soares retirou hoje o pedido de reintegração ao PT. O pedido seria analisado na reunião desta sexta-feira do Diretório Nacional do PT. Delúbio foi expulso do PT após o escândalo do mensalão --esquema de compra de votos da base aliada. Emocionado, Delúbio anunciou em discurso a desistência de retornar ao PT. "Não pretendo ser motivo de qualquer divisão interna, muito menos causar discórdia por conta de uma postulação política que muitos dizem ser pessoal, a de voltar ao PT. Nem devo causar tipo algum de embaraço aos companheiros que se colocaram, corajosa e generosamente, a meu lado no presente debate. Se tanto lutei pelo PT, por qual obscuro motivo iria agora provocar qualquer divisão interna? Não devo, não posso, não quero", afirmou. O ex-tesoureiro disse que sua honestidade pessoal já é "conhecida pelos petistas" e por todos que conviveram com ele nos últimos anos. Delúbio disse que foi acusado de desviar "cifras astronômicas", embora o TCU (Tribunal de Contas da União) tenha aprovado de "forma cabal e definitiva" as contas da sua gestão."

* Da Folha Online, leia mais aqui.

3 comentários:

A.Morais disse...

O Lugar do Delubio é no PMDB. Eles já se merecem. Lá existem varios ou piores.

Anônimo disse...

Eliomar, é lamentável o PT perder definitivamente um jóia do quilate do nosso Delúbio.

Anônimo disse...

Discordo, A.Morais. O lugar do Delúbio é no PT. Aliás, ele é a cara do partido.

E afinal, é injusto manter Genoino, o Cuecão Guimarães, Mercadante, Palocci e rejeitar Delúbio. Sinal de que "o PT não consegue ser justo nem com os seus."

Mas como sempre, é só fachada. O Delúbio não volta oficialmente, mas oficiosamente nunca saiu do PT. Ou seja, o PT é o partido dos AMorais (desculpe o trocadilho, hehehe)