sábado, 14 de fevereiro de 2009

CADÊ O NOVO SECRETARIADO, PREFEITA?

Eis artigo assinado no O POVO deste sáabdo pelo professor e também médico Antonio Mourão Cavalcante, que trata de um parto dos mais difíceis: o secretariado da prefeita Luizianne Lins (PT). Confira:

Gostaria de convidar o leitor, também eleitor, para que juntos façamos uma reflexão. Tentaremos estabelecer uma comparação entre o que acontece lá, nos Estados Unidos da América e em Fortaleza, Ceará. Vamos aos fatos. Obama foi eleito, depois de uma longa campanha eleitoral, no dia 4 de novembro de 2008. Tomou posse na fria manhã de 21 de janeiro desse ano. Todos os seus auxiliares já estavam escolhidos e foram gradualmente sendo nomeados. Hoje, dá a impressão de um governo em pleno exercício, com toda sua força. Máquina funcionando a pleno vapor. Luizianne Lins, que já era a Prefeita de Fortaleza, foi reeleita, numa espetacular vitória, dia 5 de outubro de 2008, ainda no primeiro turno. Fortaleza lhe outorgou um novo mandato, de quatro anos. Momento oportuno para um balanço e aferição do comando. Foi, inclusive, a sua intenção declarada à imprensa na oportunidade. Reassumiu, em sessão solene, no dia 1º de janeiro desse ano. Na posse não anunciou o novo secretariado. Ainda tinha dúvidas, ainda faria avaliações e consultas.

Hoje, estamos a mais de quarenta dias da posse e quatro meses da eleição e nem sinal do secretariado municipal. Inútil dizer que a máquina municipal está parada. E, todas as decisões em suspense. Por que é mais difícil escolher um secretariado para administrar Fortaleza, do que um ministério para governar a maior potência do Mundo? Por que Obama meteu as caras e mesmo tendo que substituir alguns ministros – por denúncias – foi em frente e, aqui em Fortaleza, essa espera toda? Esse chove e não molha? A imagem que nós temos de Luizianne, inclusive de campanha eleitoral, é que ela é uma guerreira? Deixou de ser ou não a deixam ser?

Esse silêncio e isolamento não ajudam a construir uma imagem politicamente correta. Aliás, um pensador socialista, dos antigos e corajosos – Vladimir Lênin – dizia com todas as letras: Ninguém faz omelete sem quebrar os ovos...

ANTONIO MOURÃO CAVALCANTE, Médico e antropólogo. Professor universitário a_mourao@hotmail.com

16 comentários:

Marta Campos disse...

Só sai depois do Carnaval. Mas prefiro acreditar que na Semana Samana Santa seria melhor época; vai ter tanta traíra e nós vamos continua feito Jesus, sacrificados com uma cidade suja, esburacada e... me calarei para evitar grosseria.

Telles disse...

O probelma é que o povo de Fortaleza foi na onda de uma prefeita de Bolsa Familia e apoiada por Lula e sem competência. Só. Agora, aguenta!!

Arquimedes Jr. disse...

Luizianne, cadê a nova equipe? A máquina parou, ninguém quer trabalhar. Está certo o professor Mourão. A mulher quer criar uma equipe sem quebrar ovos. Tem que brigar com aliados também, dona Lu.

Anônimo disse...

O problema não é o secretariado, é ela mesmo.

josé sales disse...

Administrar unicamente com frases de efeitos esta parece ser a verdadeira marca "padrão Fortaleza Bela" de nossa Prefeita Municipal, que esta semana reapareceu na cidade, unicamente para dizer que "não é refém de ninguém". Ninguém entendeu nada. Enquanto isto todos os serviços essencias está inertes, inclusive a Saúde, que está há quase três meses sem Secretário Municipal.

josé sales disse...

Mantém-se inclusive Secretários(as) que estão sob investigação do Ministério Público Federal, que continuam atuando como se nada houvesse acontecido.

Anônimo disse...

Dr. Mourão,

Muito feliz sua cobrança. Finalmente alguém com voz na imprensa local tem peito pra exercer sua cidadania e cobrar responsabilidade de quem foi eleito pra TRABALHAR. E que, diga-se de passagem, ganha regiamente pra exercer sua função pública às custas do parco e suado dinheiro do contribuinte.

Mas o problema, Dr. Mourão, é que no PT eleição é como carnaval. Eles vestem a fantasia, representam um papel, desfilam suas alegorias, dissimulam suas intenções na dança bonita pra enganar o eleitor e, depois do carnaval, tiram a máscara.

Dia seguinte à eleição o resultado é esse aí: dão uma bela banana pro eleitor. "Deixem o homem descansar", como eles cinicamente gostam de falar, como se eleição fosse uma festa. Que é o que, aliás, passa a ser o resto do ano pra eles: uma festa.

Se a gente reparar, a prefeita só aparece nas comemorações, nos festejos, nos reveillons, sempre jogando confete pra plateia. Ninguém a vê dentro do decoro que o cargo exige, a acima de tudo: trabalhando.

Como seu artigo sabiamente compara, Obama depois de todo aquele cansativo e longo ritual de posse já estava no dia seguinte bem cedo TRABALHANDO.

Mas a prefeita descansa ainda, depois de quase cinco meses da eleição. Afinal, sustentar alegorias usadas no "carnaval" passado, como o Hospital da Mulher, as Cucas, e o preço das passagens, revendendo como novas promessas passadas dá uma canseira nela, né? Vender ilusões e mentiras deve ser bem pesado...

É isso aí. No PT isso é método. Ou alguém duvida da nova alegoria presidencial, o PAC? O mestre-sala Lula e a porta-bandeira Dilma não param de rodopiar nos palanques vendendo ilusões no país do carnaval. E o povo naquele delírio de torcida, querendo que vença sua escola de samba. Que só canta o samba do povo doido.

Parabéns, Dr. Mourão.

Carol

josé sales disse...

Nem inédito Plano Diretor Municipal, que foi aprovado em "leitura record"em 20 minutos, pela Camara Municipal, há quase 60 dias, foi sancionado, correndo o risco de retornar ä origem e aguardar na fila dos achados e perdidos municipais.

Anônimo disse...

Acreditem. Ela ainda tem pretensão de ser governadora. Nós, eleitores, temos os governantes que merecemos...

Anônimo disse...

Desde muito tempo todo mundo já sabia que a esquerda é FESTIVA. Adoram discutir luta de classe e socialismo tomando um whiskinho importado e fumando uma cigarrilha classe especial. De vício burguês eles não abrem mão, né?

Só se engana com a esquerda, e em particular com o PT, quem é besta.
Há muito tempo eles já mostraram a que vieram: só querem o PODER. O povo é mero instrumento para atingir esse objetivo. Por isso precisa ser ludibriado, as instituições precisam ser enfraquecidas e a lei precisa ser desmoralizada.

Para isso foi criada a figura do Sassá Mutemba Lula, o salvador que faz proselitismo 365 dias por ano sem precisar enfiar um prego numa barra de sabão. Com isso, o bloco dos petralhas desfila na avenida Brasil, como nunca antes nestepaiz se viu coisa igual.

Quase todo mês tem pesquisa, e já-já o Sassá atinge 102%, mesmo sem minha opinião. Os 2% fica por conta da margem de erro, né?

Parece que ele já alcançou a popularidade do Garrastazu Médici. Mas pode ter certeza que ele ainda vai ultrapassar a popularidade do Saddam Hussein, que atingiu 99% no Iraque. Veja só que feito, né?

Carol

Anônimo disse...

Dr. Mourão, o sr. é um psiquiatra famoso e o seu artigo é uma espécie de mea culpa.
Tudo bem. Fazer escolhas erradas é humano.
Agora como é que o sr. pode ter se enganado durante todos esses anos quanto ao diagnóstico da personalidade da Prefeita?
Achar que se trata de uma guerreira?
Ora é demais. Ela tem mesmo é uma personalidade infantil manipuladora, narcisista e está muito mais para barraqueira do que para guerreira.

COMISSARIO DO SANTO OFICIO disse...

O problema, dr. Mourao, é que nem de omelete ela gosta, pois nao é afeita a ovos. Ela adora otras cositas que tais. O Pt e a Lora sao lero-lero, jamais entrarao em conflito com as eleites, pois eles sao a elite. E essa administtracao municipal só tem secretário fraco feito caldo de bila. A cidade nao tem planejamento, nao tem plano de educacao, de saúde nem política social. Pior: nao há um só projeto estratégico para o longo prazo. É uma administracao agua com açucar e sem afeto. COMISSARIO DO SANTO OFICIO

Anônimo disse...

A preocupação é com a pressa, quando deveria ser com a qualidade dos secretários.Na pasta da educação, por exemplo, espero uma mudança qualitativa.

João Teles

Anônimo disse...

É lamentável a desfaçatez dessa moça. Ainda hoje, numa reportagem no jornal O Povo, ela cita o ex-prefeito Juraci Magalhães como um dos culpados. Diz que herdou uma divida gigantesca. Ela é, decididamente, uma fraude. Agora está fritando um dos poucos secretários que funcionam, o da Fazenda. E insiste em falar de uma FORTALEZA BELA. Ela se acha a tal e pensa que o povão tá do lado dela.

Jota Tadeu disse...

Ora a Lôra apareceu para dizer que não refém de nínguém É POR QUE ELA TA SUMIDA A MUITO TEMPO, E ALGUÉM PODERIA ACREDITAR QUE ELA TINHA SIDO SEQUESTRADA! Isso parece até piada do J. Simão, rsrsrs....
Ela deveria aproveitar e sumir de vez, vai TIM bora Lôra!

Luis Arthur Silva disse...

E os covardes petistas, bem acomodados em seus cargos fáceis à custa dos impostos pagos pelos trabalhadores, prepotentemente sequer se preocupam em contra-argumentar, muito menos realizar um balanço crítico da gestão, nesse ou em outros fóruns virtuais ou reais. Que decepção morar em um país onde a política ora se é tratada com irresponsabilidade, ora com golpismo e a maior parte da mídia colabora para divulgar fraudulentamente o avanço da nossa "democracia". Que decepção!