sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

LULA DEFINE COMO "COISA PEQUENA" OPOSIÇÃO CRITICAR VIAGENS DE DILMA ROUSSEFF

Principais opositores do Governo Lula, DEM e PSDB acionaram a Justiça Eleitoral para tentar barrar as viagens da ministra Dilma Roussef (Casa Civil), sob argumento de que viraram campanha eleitoral antecipada. Dilma é apontada como presidenciavel. Lula, nesta sexta-feira, ainda em visita a Pernambuco, reagiu com indignação: "É uma coisa tão absurda, tão pequena. Não quero crer que os adversários vão ficar nessa redoma. Seria inusitado probir que a responsável pelas projetos inspecione os locais das obras", argumentou o presidente. Segundo Lula, Dilma trabalha como ninguém para que as obras andem. Ela é responsável pela execução de projetos, conversas com governadores, prefeitos, enfim, uma agenda intensa ligada ao PAC.
"A ministra é ministra até que se licencie do cargo, caso seja aprovada candidata a alguma coisa. Até o meio do ano que vem ninguém é candidato. Quem quer fazer campanhas são eles. Eles sabem que seus candidatos estão viajando o país. Minha preocupação é trabalhar. Até 31 de dezembro de 2009 tenho muitas obras para terminar", alfinetou Lula.

(Este Blog com Blog da Folha)

Um comentário:

Paulo disse...

Um dos pontos que mais admiro em Lula,é a sua imensa capacidade de mentir.Principalmente quando,ao iniciar uma frase,ele coloca:"ESTOU CONVENCIDO DE QUE..."Não podemos ignorar que temos um grande "artista-prsidente".O povo gosta disso.